segunda-feira, março 27, 2006

CORAÇÃO

Meu coração é ave de vôo certo,
Desistiu das migrações e atende ao chamado.
Ninho pronto, aguardo a primavera florir as intenções.

Meu coração é par.
Mas ainda assim se aflige, ímpar.
Uma aflição que não se possa escutar.

Meu coração cerra os dentes e abre as asas
Sangra sem medo de lutar
Mas é ave de vôo certo, volta ao ninho e ao seu par.

Meu coração é ave que desafia o vento
Traçando história, contando a arte de voar.
Meu coração é ave de vôo certo, embora nunca possa parar.

4 comentários:

rocky shade metal disse...

entaum, deixe que ele voe e te traga as respostas

paredro disse...

Entaum nada. Apenas admiração, por algo que hoje tão raro.

Sergio Domingues disse...

para ti outro desejo, outro coração, no mesmo lugar...

camila disse...

"...embora nunca possa parar" - Até porque, quando o coração pára, a vida também o faz. bonito, rayanne.