sábado, maio 06, 2006

Todo dia...

Um gole só.
Um gole e breve me despeço.
Porque um novo dia amanhece
E eu tão.
Um gole só:
E o sol ataca a dentadas as janelas
É muito tarde para mim,
E eu que.
Um gole só,
Eu cansada me despeço
Parto para minha jornada.
E só.
Um gole que
E entre o alvorescer e a madrugada
Procuro assim uma parada
Um gole tão.
E aperta o nó.
Cresce assim essa saudade
vai longe um tempo menino
E eu, fui.
Um gole só.
Café amargo,
Que a vida não espera,
O trabalho, longe escuta,
Corro os dedos na rotina,
Precipita um longo dia,
Até logo!
Fica o pó.

8 comentários:

A czarina das quinquilharias disse...

queria poder ficar. queria poder ficar.
por que se eu for as coisas ficam tão.
tão incompletas.
beijo, menina.

Sr. N disse...

lindo!

e triste de uma maneira ressaqueada...

Sergio Domingues disse...

ai, ai... que desse pó também me cubro...

beijo!

rocky shade metal disse...

minha guerreira linda...
maravilhosamente bem escrito!

Ah!
Não importa se são doi, três, ou um gole só...
...basta que seja um gole bem vivido, bem aproveitado, digno de ser lembrado, caso um dia precise ser.
Nada pode ser em vão. Nem o pôr-do-sol, nem o amanhecer, nem a rotina.

Octávio Roggiero Neto disse...

um minuto só?


faz que vai
volta
depois vai
e volta
faz que volta mais
e vai
vai e volta
faz que
esta rotina
nos revolta
nos escolta
engaiolados
mas a gente se solta
dá-se um jeitinho
e vai se voar
e volta se cantar
se encantar
com os passarinhos
Rayanne passarinha
canta que canta bonito
e mais que pó
fica a poesia
só?
e eu, fui!
(mas volto)
Até mais vê!

ricardo disse...

Entao, um gole e um brinde...
um brinde ao que quer que seja
e um gole do que restar. :)

(vou passar o resto do dia relendo esse texto)

pedro pan disse...

, um gole apenas. só e fica o pó. a poeira de alguém que parte. quando o sol inda chega.
|beijos meus|

Lubi disse...

Um gole de suas letras... Tão bem tomado, sentido. E o engasgo de um choro. Por que sou assim, sensível demais. E sinto até as vírgulas postas tão perfeitas nos seus escritos.
Obrigado pelo carinho, pelos comentários, pelo consolo. Por existir!
Beijos!
Bom final de semana!