quinta-feira, outubro 19, 2006

Desassossego.

E tudo tanto
que não me pareço comigo.
Deveras, sente?
A dor de mente
a que secreta abrigo.

É quando a poesia pouca
E se me falha a vontade,
A necessidade rouca,
Antes que tarde
A vida louca.

Brinco entre as rimas
um lirismo triste
a cor soberana
Sobre sentimento que insiste.

Eu tenho tanto para cantar
E a voz tamanha falta,
porque o peito se acumula
Em tempestades se estreita,
Para que tudo venha calar.

Eu não entendo o desassossego
Em que passeio em mim de lá prá cá
Não sei para onde vou ou onde chego
Buscando sempre algo que ainda será.

Mas ainda não.

15 comentários:

paula disse...

O desassossego não deixa que nos acomedemos e faz com que sigamos sempre em busca... e é daí que surgem as conquistas! :)

paula disse...

*acomodemos

sorry...

cra disse...

beijar
a sua testa
como
se
o turvo fosse nódoa
e se você
envesgasse
seus
olhos
para
me
ver
com
mai
essência?

Leandro Jardim disse...

Descrição perfeita e linda do que se passa dentro de mim!!!!

**sóis**

diovvani disse...

Saudade? Também do lado de cá menina... Mas uma saudade que não sei identificar direito. Desassossego... É isso que tenho sentido. Tenho andado tão atarefado que, à poesia está ficando sem oxigênio para respirar em mim. MontanhosoAbraço.

Marla de Queiroz disse...

Seu desassossego e o meu cansaço...
A estrela cadente nos braços da flor.
Vem que eu cuido.
Um sol-risinho entre nuvens...
Beijo, beijo.Com calor.

Marla de Queiroz disse...

É que vc já existia no meu coração...
Conectadas desde sempre.
Linda!!!

Lubi disse...

E eu, porto de calmaria resignada.
beijo,
saudade.

Múcio Góes disse...

senti uma Pessoa fernando em teu poema...

Lindo.

beijo.

Jefferson de Souza disse...

Ah, desassossego... Basta o meu...
=P

=*

pedro pan disse...

, "Eu tenho tanto para cantar" e não duvidamos. nem um pouco...
|beijos meus|

evelin disse...

sempre linda.

A czarina das quinquilharias disse...

tanto ritmo nesse aqui, tanto...

Rocky shade metal disse...

beijão..

só pra não perder o costume de dizeres tão belos.

? disse...

Puxa... como vc sabe o que eu penso?
(prazer em conhecê-la!)