sexta-feira, novembro 07, 2008

Momentos.

Tudo tão,
e eu nem.
Tudo enfim,
você, também.
Tudo então,
aqui, ninguém.
Tudo assim,
e sem porém
Em silêncio,
Repito: amém.

9 comentários:

Nirton Venancio disse...

passo sempre pelo seu contratempo.
não deixo rastros.
mas hoje retribuo o seu carinho: moça bonita das palavras bonitas.
sempre estrelas pra você.

Taty-chan disse...

Surtei!
Já é parada obrigatória na rota do meu dia. Nossa...

Paula Calixto disse...

Amém, também.

Beijos.

Pedro Pan disse...

, poema pra fazer diversas leituras...
, saudade de seu azular, de suas estrelas...
, beijos meus.

Pedro Pan disse...

, ah só um p.s. linda a foto.

Sandra Regina de Souza disse...

momentos assim dizem amém sempre!! Bom ler-te estrelada! Paz!! Feliz! Beijos e estrelas (pra acalmar a saudade do abraço...)

Lubi disse...

justamente, assim.
sabemos.
é a vida leve, leve.

J.F. de Souza disse...

Amém!
E Aleluia! =P

RicardoPalacio disse...

amém, sim...

:)