quinta-feira, abril 16, 2009

De longe.

E que seja certo
Esse estar sempre
Esse querer incerto
Esse amor fluente
De querer-te bem
Sem saber-te perto.

4 comentários:

Lubi disse...

quase um 'De: Lubi Para: Rayanne' esse 'amor fluente de querer-te bem sem saber-te perto'.

um beijo enorme.
saudade. sempre.

J.F. de Souza disse...

minha forma de sentir
tua ausência
é querer-te bem
perto
de
mim
ainda que

J.F. de Souza disse...

Rayanne! Eu preciso deixar minhas bajulações aqui! Eu, simplesmente, tô curtindo demais teus escritos últimos! Do fim do ano passado pra cá, tenho visto escritos maravilhosos, que me enchem os olhos ou o peito, ou me abrem um sorriso... Sempre! De dezembro pra cá, sempre! (Ainda que eu não tenha deixado comment em todos... Alguns me deixam sem fala, sabe?)

=*

Paco disse...

muito bom, muito sonoro, muito sentido. nos dois sentidos.