quarta-feira, agosto 18, 2010

Das saudades.

Sinto falta de mim.
Sinto falta de vocês.

Sinto falta do brilho
De todos os sorrisos
Que já passaram pelos lábios.

Estive olhando fotos
E descobri
O quanto a gente é feliz
E nem sabe.

6 comentários:

Lubi disse...

saudade aqui também.

Thales Capitani disse...

ser feliz nem é preciso se saber
o ser já dá conta do recado
alegrou-me teu poema

J.F. de Souza disse...

saudade
é só
a outra face
da felicidade

Paco * disse...

Kilômetros são apenas metros multiplicados

e um metro

é quase nada!

tenho sentido mto sua falta....

Simplesmente Outono disse...

Quem sabe fiz de minha estação meu confessionário. Não há padre e penitência.
Quando puder leia e se quiser, fique à vontade para registrar o teu pensamento.
Minhas folhas com carinho!
Simplesmente Outono.

Rafa Marek disse...

Saudade, é o tema normal de meus posts, seres humanos vivem falando em saudade, vivemos em um mundo nostalgico, não sei ao certo explicar o pq disso, mais estamos tão pertos mais ao mesmo tempo tão distantes uns dos outros