segunda-feira, abril 25, 2011

De felicidades.

É que a boca, cheia de estrelas,
Quase não dorme à noite,
Ensaiando harmonias.

E quando de manhã,
O travesseiro,
'inda quente dos versos,

Agarra para si
O cheiro doce

das rotinas.

*ser feliz é um gesto...

4 comentários:

Ana Paula Fumian disse...

Que lindo isso!!! Tocou fundo em mim!

Sandra Regina de Souza disse...

Feliz de ler-te em felicadades plenas! Brilho que se espalha em outras feliz-cidades!!! beijossss

Emoções disse...

Da boca dos poetas mais amadores saem as palavras mais belas e puras,mesmo que poucas e curtas são palavras que gritam de um coraçã que ainda tem esperança.

Amanda Lemos disse...

Gostei bastante do Blog, :)
Muito interessante !
Deixo o meu aqui, caso queira dar uma olhada, seguir...;

www.bolgdoano.blogspot.com

Muito Obrigada, desde já !